Câmara de Vereadores de Nova Venécia reduz gastos com papéis em 86%

27

De janeiro a outubro deste ano, a Câmara de Nova Venécia reduziu drasticamente os custos com papéis e cópias. A economia em 10 meses é de 86% em relação a 2016. No ano passado, o gasto com este insumo foi de R$ 6.849,73, de janeiro a outubro de 2017, o valor não passa de R$ 960.

Economizar com papéis reduz custos e também promove a sustentabilidade. Atualmente, a comunicação com os parlamentares é feita por e-mail. Pautas das sessões plenárias e documentos em geral, são enviados aos e-mails que os próprios vereadores cadastraram junto ao Departamento Legislativo da Câmara. A iniciativa surge para atender aos princípios da economicidade, transparência e agilidade na administração pública.

A ação é de comum acordo dos vereadores que compõem a Mesa Diretora: Antonio Emílio (PPS), Cabo Tikeira (PV), Dejanir Dias (PSB) e Mir de Guararema (PDT).

Gerir os recursos de forma racional com economicidade e eficiência foi uma das prioridades da Mesa Diretora da Câmara que tomou posse em janeiro deste ano. O lema da presidência é gastar pouco, mas fazer muito. A ideia é racionalizar os recursos, mas ao mesmo tempo, maximizar os resultados das ações.

Segundo o presidente da Casa, Antonio Emílio, além da economia, a medida também agiliza a vida dos parlamentares. “São muitos documentos que precisamos imprimir e isso gera custos com folhas, tinta e energia. Não temos mais essa necessidade se podemos utilizar a tecnologia em nosso favor. Os vereadores agora podem abrir o e-mail e ter acesso aos documentos de onde eles estiverem e a qualquer momento. Não precisam mais vir à Câmara para pegar a pauta ou outro material impresso. Desde que tomamos posse, priorizamos a economicidade dos recursos do Legislativo com total transparência das ações da Câmara”, afirma o presidente.

Com  informações da Câmara de Vereadores de Nova Venécia.

Direto da redação: Rafael Ribeiro.