EDP Escelsa é notificada para restabelecer pontos de pagamento das contas de luz

160

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça do Consumidor de Vitória, enviou uma Notificação Recomendatória para a EDP Espírito Santo Centrais Elétricas S.A (Escelsa). O objetivo é esclarecer possíveis irregularidades na redução drástica dos pontos de pagamento das contas de energia elétrica.

A rescisão do contrato da EDP Escelsa com o banco Banestes interrompeu o recebimento do pagamento dos boletos de energia elétrica pelo Banesfácil e está causando transtornos aos consumidores. O MPES entende que a situação causa reflexos sociais, físicos, financeiros e emocionais e que as novas práticas comerciais adotadas pela EDP Escelsa atingem, principalmente, cidadãos de baixa renda, não inseridos digitalmente, que efetuam o pagamento da conta de energia elétrica em espécie nos pontos físicos de recolhimentos.

O MPES notificou a empresa para que não sejam cobrados juros, multas, encargos contratuais ou quaisquer acréscimos decorrentes do não pagamento das contas, assim como o fornecimento de energia elétrica não seja interrompido contando a partir da terça-feira (03/04).  Além disso, a notificação recomendou que a EDP Escelsa restabeleça a condição de recebimento oferecida anteriormente ou substitua, proporcionalmente, os postos de pagamento. A empresa deve informar os consumidores do cumprimento das  recomendações por meio do site oficial e da mídia local.

Para as contas que vencem entre os dias 3 e 13 de abril, a EDP irá estender o prazo. Os consumidores terão até o dia 20 de abril para efetuar o pagamento.

O que diz a EDP Escelsa? Veja a nota da empresa:

“A EDP possui mais de 1.200 pontos de arrecadação, entre Agentes Comerciais, bancos e correspondentes bancários para receber o pagamento das faturas em todas as regiões do Estado. Os pequenos comércios, localizados em pontos estratégicos, simplificam o dia a dia dos cidadãos capixabas, ao aceitar também o pagamento da conta de energia. A lista abrange padarias, supermercados, farmácias, moveleiros, papelarias, cafés, lojas de material de construção, confecções, bancos comunitários, entre outros estabelecimentos.

Vale lembrar que todos os canais do Banestes (agência bancária, débito automático, internet banking, terminais de autoatendimento, entre outros) continuam recebendo contas da EDP.

Para encontrar o Agente Comercial próprio da Concessionária mais próximo é fácil, basta consultar o endereço na própria fatura, que agora traz essa informação impressa. A lista completa também está disponível no site da Empresa, www.edp.com.br/agentesedp. Os clientes podem, também, ter informações de locais mais próximos para pagamento por meio das Agências de Atendimento presenciais, pelo 0800 721 0707 ou pelo chat do aplicativo EDP Online.

A EDP busca constantemente parceria com novos agentes e para se tornar um parceiro, o comércio interessado pode entrar em contato com a Concessionária pelo e-mail agente.paguefacil@edpbr.com.br. Os estabelecimentos aprovados recebem treinamento e suporte para as atividades propostas.

Outras facilidades

Os clientes da EDP também podem optar pelo pagamento da conta de energia sem sair de casa. A Distribuidora disponibiliza o serviço de débito automático, que pode ser solicitado por meio do site ou aplicativo EDP Online, pela Central de Atendimento, no 0800 721 0707, ou nas agências de atendimento presencial. Outra opção que pode ser requisitada nos canais de relacionamento é a conta por e-mail, sendo possível receber a fatura de energia em até dois endereços virtuais.

Para aqueles que não estão conectados à internet, a Empresa viabiliza o atendimento por SMS no número 33737. Basta digitar o texto CONTA + n° da instalação para receber o código de barras para pagamento da conta de luz.”

Direto da redação: Rafael Ribeiro.