Famílias atingidas por forte chuva em Nova Venécia precisam de doações

98

Secretaria de Ação Social pede doações para quem perdeu tudo. Seis represas romperam e estrada foi interditada no interior.

A intensa chuva que atingiu o município de Nova Venécia, na tarde desta terça-feira (5), deixou a cidade arrasada. A água invadiu dezenas de casas, deixando muitas famílias desalojadas e desabrigadas.

Foto: bairro Aeroporto.

Um dos bairros mais atingidos foi o Aeroporto. Segundo a Secretaria Municipal de Ação Social, 20 famílias do local estão desalojadas e 3 desabrigadas. Em alguns pontos do bairro, a água chegou a subir mais de um metro de altura dentro das casas. Já no bairro Rúbia, 11 famílias estão desalojadas e 1 desabrigada. No bairro Altoé, duas famílias tiveram que deixar suas casas.

A maior parte das pessoas foi levada para casa de familiares e amigos. Outras famílias estão provisoriamente na escola Stanislaw Zucoloto.

De acordo com a Defesa Civil Municipal, as fortes chuvas se concentraram em pontos distintos do município. Na Cidade Alta o pluviômetro registrou 156 milímetros, em cerca de uma hora, o que representa mais da metade do que o esperado para todo o mês de dezembro. Já no Centro foram registrados 102 milímetros. No bairro Santa Luzia choveu 56 milímetros.

Foto: Avenida Guanabara.

A chuva provocou alagamentos e destruição em vários pontos da cidade. Ruas ficaram esburacadas e blocos, paralelepípedos e meios-fios foram levados pela força da correnteza. A Secretaria Municipal de Obras está com a equipe concentrada na recuperação da cidade. A Avenida Guanabara foi um dos locais mais arrasados. Os bairros Aeroporto, Iolanda, Rúbia e Margareth também ficaram bastante destruídos.

Na região do Córrego Refrigério, seis represas estouraram e a estrada foi interditada na altura da comunidade de Nossa Senhora da Saúde. Em outras localidades do interior a chuva chegou em pequenas proporções. A Secretaria Municipal de Agricultura e a Defesa Civil estão percorrendo outras localidades para fazer um levantamento mais preciso.
De acordo com o prefeito Lubiana Barrigueira, com um levantamento mais preciso em mãos, o município vai estudar a possibilidade de fazer um decreto de emergência.

Doações

Muitas famílias perderam tudo e precisam de doações. Muitos voluntários, juntamente com a dedicação de entidades venecianas, já se mobilizaram doando lençóis, colchões e roupas. Agora, a Secretaria de Ação Social iniciou uma campanha para arrecadar principalmente alimentos, materiais de limpeza e utensílios domésticos. As doações devem ser encaminhadas ao Centro de Convivência do Idoso (CCI), situado na Rua Santa Tereza, bairro Beira Rio, próximo ao hospital São Marcos.

Contatos:
Bombeiros: 193
Defesa Civil: (27) 3772 6176
Secretaria de Ação Social: (27) 3752 9029

Com informações da assessoria da prefeitura.

Direto da redação: Rafael Ribeiro.