Médica capixaba é encontrada morta no Rio de Janeiro

666

Uma mulher foi encontrada morta em um apartamento na Avenida Senador Francisco Tinoco, na Beira Rio, centro de Itaperuna. O caso aconteceu na tarde desta quinta-feira (01).

Foto: Christiane Schultz, de 37 anos.

A mulher foi identificada como Christiane Schultz, de 37 anos, era ginecologista e obstetra, natural de Colatina, noroeste do Espírito Santo. De acordo com informações da Polícia Militar, a médica foi encontrada pelo marido, também médico e por sua secretária, por volta das 15h desta quinta (01). Mesmo sem sinais vitais, o marido tentou reanimá-la, mas sem sucesso. O Corpo de Bombeiros e a perícia estiveram no local. O corpo da médica foi removido para o Instituto Médico Legal de Itaperuna.  Ela foi sepultada nesta sexta-feira (2), em Itapina, distrito localizado a aproximadamente 36 km de Colatina.

De acordo com informações passadas, ao lado do corpo, foram encontradas algumas caixas de remédios. Os tipos não foram passados pela polícia. Os familiares disseram que ela aparentava estar bem. “Ela estava super bem. Nós estivemos juntos em janeiro desse ano. Jamais esperávamos que fosse acontecer isso”, afirmou Ademar Schultz, irmão da médica.

A morte de Christiane está sendo investigada pela 143ª Delegacia de Itaperuna.

Christiane, que nasceu em Colatina, trabalhava como ginecologista nos municípios de Varre-Sai e Laje do Muriaé, ambos no Estado do Rio. A Prefeitura Municipal de Varre-Sai emitiu nesta sexta-feira (2) uma nota de pesar pelo falecimento. Na nota, a prefeitura destacou a gratidão pelos serviços que a médica capixaba prestou ao município.

A Prefeitura Municipal de Varre-Sai, através da Secretaria Municipal de Saúde, emite nota de pesar pelo falecimento da…

Publié par Pmvs Decom Varre-Sai sur vendredi 2 février 2018

Amigos, familiares e desconhecidos também lamentaram a morte da médica nas redes sociais.

Direto da redação: Rafael Ribeiro.